Blog

Guia de Visconde de Mauá

Conheça agora o Guia de Visconde de Mauá, com curiosidades sobre a cidade e muito mais!

Guia de Visconde de Mauá

Sempre que viajamos, aprendemos algo novo sobre o lugar visitado. Sua história, características naturais, clima, cultura e curiosidades; é um processo muito divertido e, ao mesmo tempo, de crescimento pessoal. E não há nenhum motivo para não começar esse aprendizado antes da viagem – enquanto você escolhe para onde irá, por exemplo.

Para você que está pensando em visitar Visconde de Mauá nas próximas férias ou feriado, criamos um pequeno guia. É apenas o começo, mas o resto você pode descobrir pessoalmente.

História de Visconde de Mauá

O nome da cidade é uma homenagem ao Visconde Irineu Evangelista de Sousa. O Império concedeu a ele as terras do atual município no ano de 1870 para que fossem feitas atividades de extração de madeira.

O filho do visconde, Henrique de Souza, criou uma colonia de imigrantes europeus ali cerca de 20 anos depois, mas não deu muito certo e os imigrantes acabaram retornando, em sua maioria, à Europa.

historia-visconde-de-maua

Foto: https://pt.wikipedia.org

Outra tentativa frustrada aconteceu no ano de 1908, quando o governo comprou as terras de volta e criou o assim chamado “Núcleo Colonial Visconde de Mauá”, que só resistiu por oito anos antes de acabar extinto.

Porém, algumas famílias de origem alemã permaneceram no local após essa tentativa. Então, na década de 30, elas começaram a abrigar parentes e amigos que vieram da Europa para o Brasil, um processo de imigração espontâneo que finalmente deu resultado em criar um núcleo colonial em Visconde de Mauá. E, desde então, a atividade principal de lá tem sido o turismo.

Geografia de Visconde de Mauá

Por sua localização na serra, Visconde de Mauá tem um clima considerado frio. Julho e Agosto, os meses mais frios do ano por lá, podem chegar a 5°C; enquanto isso, Janeiro e Fevereiro, os meses mais quentes, dificilmente passam dos 25°C.

geografia-visconde-de-maua

Foto: http://porai-viajando.blogspot.com.br/

Além da vila de Mauá, o nome Visconde de Mauá é utilizado para se referir à região de maneira geral, incluindo também as vilas de Maringá e Maromba. Visconde de Mauá é marcado pela existência de diversos vales, entre eles o Vale das Cruzes, Alcantilado, Pavão e Gama.

Visconde de Mauá faz divisa com os municípios cariocas de Resende e Itatiaia – onde fica localizado o Parque Nacional de Itatiaia.

Curiosidades de Visconde de Mauá

Apesar de ter recebido o nome de Visconde de Mauá, a cidade nunca foi visitada pelo ilustre Visconde Irineu Evangelista – que passou por Rio Grande do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro, mas nunca foi à região.

O território de Visconde de Mauá fica apenas parcialmente no Rio de Janeiro. O outro lado da cidade faz parte do estado de Minas Gerais. Por isso, é possível observar influências de ambos na cultura do local.

ponte-rio-preto-visconde-de-maua

Foto: http://destinocervejeiro.blogspot.com.br/

Na vila de Maringá, quem quiser pode cruzar o Rio Preto para chegar ao lado mineiro de Visconde de Mauá. A ponte é bem estreita, só pode ser usada por pedestres e dificilmente mais de uma pessoa consegue atravessar de uma vez.

Nos anos 1970, os membros do movimento hippie “descobriram” a vila de Maromba, que acabou se tornando um local muito frequentado por eles devido a sua proximidade e facilidade de acesso às belezas naturais.

Em Visconde de Mauá, só há um caixa eletrônico. Por isso, os visitantes são aconselhados a trazer suficiente dinheiro com eles durante sua visita à região.

dinheiro-visconde-de-maua

Foto: http://g1.globo.com/

A cidade ainda guarda gastronomia rica, atividades de lazer diversas e lindos pontos turísticos para encanto de seus visitantes!

O que achou de nosso guia com dicas para sua viagem à Visconde de Mauá? Deixe seu comentário!

Foto capa: http://www.pousadadaaraucaria.com.br/

Acrescente seu comentário...