Blog

Guia de Maragogi

Maragogi era um povoado chamado Gamela até 1887, quando foi elevado à categoria de Vila, passando a chamar-se Isabel, em homenagem a princesa, filha de Dom Pedro II. Em 1892 acabou recebendo o nome de Maragogi, acompanhando o nome do rio que banha a cidade . Veja aqui nosso guia de Maragogi!

Guia de Maragogi

guia-maragogi1

Foto: maceio40graus.tnh1.com.br

Maragogi foi um ponto importante durante a luta contra os holandeses, sendo o local uma região de combates, principalmente em Barra Grande e São Bento, lugar em que as tropas paravam quando vinham de Recife indo em direção a Porto Calvo, o local de escoamento da produção agrícola da região.

Por duas vezes Maragogi enfrentou tentativas de invasão no local. Com isso, a tradição familiar na cidade é muito forte. As raízes familiares permaneceram sempre muito fortes, principalmente pelo casamento entre primos, mantendo ainda hoje nomes como Lins, Vasconcelos, Buarque, Holanda, Cavalcante e Acioly, entre outros.

Maragogi também foi o palco da Guerra dos Cabanos, que teve início como um movimento armado com o objetivo de trazer de volta para o Brasil o imperador Dom Pedro I, quando este renunciou a coroa e retornou a Portugal.

A guerra teve início em maio de 1832, com os levantes de Antônio Timóteo de Andrade, num lugar do agreste pernambucano chamado Panelas de Miranda, e de João Batista de Araújo, na praia de Barra Grande, hoje um povoado do município.

Em outubro de 1832, Antônio Timóteo de Andrade foi morto, no Reduto do Feijão, e João Batista de Araújo foi preso pelo Almirante Tamandaré, em sua casa de Barra Grande.

guia-maragogi2

Foto: viarodovia.blogspot.com.br

Entre novembro de 1832 e janeiro de 1834, as forças populares tomam a chefia da guerra, através do comandante Vicente de Paula, que mandar erguer os primeiros arraiais da guerrilha nas matas de Imbiras, Barra de Piabas e Piabas. Os guerrilheiros tentaram tomar o povoado de Barra Grande, sendo postos em fuga pelas tropas provinciais, que estavam de tocaia no local. Após recuar sob forte tiroteio até o povoado de Gamela, a atual Maragogi, chegam à praia de São Bento, onde estavam os cabanos feridos se cuidando e se tratando, enquanto pescavam para sobreviver.

Ali ocorreu a matança de São Bento, com as tropas provinciais matando a tiros e facões todos os cabanos encontrados. Os negros papa-méis, fugidos da escravidão, se juntaram aos guerrilheiros, mudando os rumos da guerra, uma guerra que só terminou com a prisão de Vicente de Paula, em 1850, quando este foi levado como prisioneiro para a ilha presídio de Fernando de Noronha.

População, Geografia, Clima e outros detalhes

Maragogi é hoje uma cidade com aproximadamente 25 mil habitantes, que podemos chamar de felizardos por morarem em um verdadeiro paraíso.

guia-maragogi3

Foto: viarodovia.blogspot.com.br

Localizada na região tropical brasileira, com clima quente e úmido o ano todo, inclusive no inverno, em Maragogi as temperaturas variam de 23 a 35 graus. Podemos afirmar que a temperatura de inverno em Maragogi é mais quente do que o verão em muitos lugares do mundo.

O município, que só possui 355 km2, é banhado pelos rios Maragogi, Persinunga, Salgado e dos Paus, vivendo da agricultura, da pesca e do turismo. A cidade tem como padroeiro Santo Antonio, data que é feriado em Maragogi, com festejos conhecidos na região.

Maragogi é rica em atrações naturais e oferece infra-estrutura completa de bares e restaurantes para acolher bem os turistas.

Maragogi está hoje conectada com o mundo tendo a atuação de 4 operadoras de celular: Claro, Vivo, Oi e Tim. O DDD da cidade é 82 e o turista pode encontrar informações e apoio em sua viagem através dos telefones:

  • Batalhão de Polícia Militar: 3296-1385 / 3296-1190
  • Costa dos Corais Convention Bureau: 3296-1305.

Maragogi é um ponto turístico muito procurado e visitado o ano inteiro, portanto, preste atenção em nossas dicas, e faça as malas, trace seu roteiro, reserve a sua pousada e aproveite sua viagem.

Foto da capa: boutiquedoturismo.com.br

Acrescente seu comentário...